Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

um eléctrico chamado desejo

um eléctrico chamado desejo

nossa senhora do ermo

Não há areia no deserto, nem miragem que valha, embora às vezes sonhe com lacraus, certo é que não há deserto no deserto, há girassóis desdenhosos, há um corpo que te tenta e logo se recusa, seria um consolo encontrar o deserto no deserto, oh Nossa Senhora do Ermo, concede-me a tua ausência, nega-me a ressurreição de cada dia, véda-me o girassol que é só a quimera do girassol, outorga-me o lacrau que não promete nada, dá-me o deserto ou não saberei que fazer com tanta sede. Martin López-Vega (retirado de “La eterna cualquiercosa”)

ultimamente

ultimamente tenho observado o senhor vento. altivo. tem passado por mim a correr. olho como passa pelas árvores e as desloca. balança-as e oscilam de posição. abanam. eu e as árvores. é como não coincidirmos com nós mesmos. as árvores e eu.

sombra

hoje o céu esteve de sombra. sombra sobre a carta que escrevo. carta de recados, carta de amor, carta de saudade. os destinos de uma carta. a sombra cresce sobre as palavras que deixam de ser legíveis.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D